FIFA pune jogadores suíços

Gesto usado em comemoração da vitória contra a Sérvia gerou polêmica e multa

Estevan Furtado
Bem Estar, Esportes
26/06/18 18:29

No jogo da Suíça contra a Sérvia nessa sexta-feira, os jogadores Granit Xhaka e Xherdan Shaqiri fizeram uma comemoração diferente que chamou bastante atenção. Os atletas que nasceram em Kosovo (país que não tem a independência reconhecida) comemoraram os gols com gestos feitos pela mão simbolizando uma águia. Um símbolo que está presente na bandeira da Albânia.

O Comitê Disciplinar da FIFA multou os jogadores pelo gesto politico. Cada um terá que pagar o valor de 10 mil francos suíços (cerca de R$ 39 mil). De acordo com o código disciplinar da entidade não se pode ter manifestações de qualquer modo políticos, religiosos ou personalidades.

E não para por ai. O lateral-direito da Suíça, Stephen Lichtsteiner, também terá que desembolsar uma boa quantia, 5 mil francos (cerca de R$19 mil) deverão ser pagos pelo jogador que também participou da comemoração. Mesmo com essa confusão os jogadores estão livres para enfrentar a Costa Rica na próxima quarta-feira.

Os torcedores da Sérvia também receberam uma multa. A FIFA multou a Federação de Futebol da Sérvia em 54 mil francos (R$206 mil). A torcida servia foi ao estádio com camisetas que estavam estampadas com a imagem de Ratko Mladic, criminoso de guerra.

A suíça enfrenta a Costa Rica, que já está eliminada da Copa do Mundo da Rússia, nessa quarta-feira. O time quer uma vitória por uma questão de honra, já que o time costa-riquenho não venceu um jogo ou se quer balançou as redes na competição.

 

 

Texto de Estevan Teixeira com supervisão de Amanda Pessoa.

Revista Evoke

Acompanhe todas as novidades pelo instagram.