Dia Mundial da Alimentação: especialistas reforçam a importância da nutrição em tempos de pandemia

Ter uma dieta balanceada traz benefícios não só para o corpo, mas também para a mente

https://revistaevoke.com.br/wp-content/uploads/2017/09/revista-evoke-avatar.png
Revista Evoke
Bem Estar, Nutrição
16/10/20 15:46

Nesta sexta-feira, 16 de outubro, é lembrado o Dia da Alimentação. A data ressalta a importância de mantermos uma dieta mais nutritiva em todas as fases da vida. Especialistas apontam que neste momento é preciso fortalecer a imunidade e lutar contra comorbidades, como o diabetes e a hipertensão, que podem agravar os sintomas ou mesmo o quadro do novo Coronavírus.

Maico Ribeiro Plácido, nutricionista e supervisor de nutrição clínica do Hospital Anchieta de Brasília, explica que o ideal é realizar no mínimo seis refeições por dia, incluindo pelo menos cinco porções de frutas e vegetais (três de frutas e duas de vegetais).

“Ter uma alimentação balanceada é importante para ajudar no sistema imunológico. Quando ele está fraco, ficamos muito mais propensos a ter infecções, principalmente os quadros gripais”, justifica.

O nutricionista listou os principais alimentos indicados para melhorar a imunidade. Confira:

  • Frutas cítricas (Ex: laranja, acerola e kiwi);
  • Vegetais verde-escuros (Ex: brócolis, couve, espinafre);
  • Alimentos ricos em zinco (Ex: carne, cereais integrais e castanhas);
  • Oleaginosas (Ex: nozes, castanhas, amêndoas e óleos vegetais);
  • Fontes de ômega-3 (Ex: azeite e salmão)
  • Fontes de antioxidantes (Ex: castanha do Pará e cogumelos Gengibre).

 

Gengibre

Rico em vitaminas C, B6 e com ação bactericida, ação anticoagulante, vasodilatadora, digestiva, anti-inflamatória, antiemética, analgésica, antipirética e antiespasmódica,  auxilia nas defesas do organismo melhorando o nosso sistema imunológico.

 

Iogurte natural
O consumo regular de iogurte natural ajuda a recompor as bactérias benéficas da flora intestinal que são chamadas de probióticos. Esses microrganismos contribuem para aumento da imunidade pois ajudam a melhorar a saúde no nosso intestino.

 

Alho
O alho, além de utilizado em diversos pratos, ele ajuda a reduzir e diluir o muco nos pulmões, sendo eficaz contra tosse persistente e bronquite. Inclusive, o alho pode ser consumido junto a antibióticos. Por ser rico em vitamina A, C e E, alho é um forte aliado para reforçar o sistema imunológico.

 

Cebola
A cebola é rica em substâncias anti-inflamatórias, antivirais, antiparasitárias, antibacterianas e antifúngicas, como a alicina, por isso, é um ótimo remédio para afastar gripes, resfriados e infecções em geral.

 

Própolis extrato seco
O Extrato seco de Própolis possui efeito terapêutico, agindo nas defesas do organismo de forma anti-inflamatória, antioxidante, antibacteriana, antiviral, antifúngica, efeito antiprotozoário, auxilia no efeito imunomoduladores, antineoplásico e cicatrizante.

 

Óleo de coco
O ácido láurico e o ácido cáprico, presentes no óleo de coco, tem a propriedade de modular o sistema imunológico, agindo contra fungos, vírus e bactérias. Além disso, ele contribui de forma indireta na imunidade e na melhora do funcionamento intestinal ao eliminar as bactérias ruins do nosso corpo.

 

Alimentação saudável e Saúde mental
Renata Figueiredo, médica psiquiatra e presidente da Associação Psiquiátrica de Brasília, APBr, acrescenta que a nutrição está diretamente ligada à saúde mental. “Além de uma alimentação variada, reduzir o consumo de gorduras, açúcar e sal, que contribuem com ansiedade e estresses, por exemplo, é importante associar com o consumo regular de alimentos que atuam diretamente na produção do aminoácido triptofano, precursor da serotonina, que é o hormônio do bem-estar”, afirma. “Alimentos como banana, damasco, iogurte, gema do ovo, amêndoas e frango”, conclui.

 

 

 

Revista Evoke

Acompanhe todas as novidades pelo instagram.