Corujão tem linhas ampliadas

Pela primeira vez em mais de 15 anos o transporte público vai atender a região de entretenimento da Orla do Lago Paranoá

Revista Evoke
Economia, Notícias
09/02/18 10:30

Nesta quarta-feira o governador Rodrigo Rollemberg anunciou que uma nova linha do Corujão, serviço noturno de ônibus do Distrito Federal, passará a circular a partir de 19 de fevereiro. A rota será entre a Rodoviária do Plano Piloto e parte do Setor de Clubes Sul.

Todas as mudanças são parte de uma segunda etapa de reestruturação do serviço do serviço de ônibus e do plano de mobilidade. Ações essas que tem intenção de melhorar a qualidade, segurança e conforto para os trabalhadores.

Outras alterações no Corujão vão beneficiar os trechos 2 e 3 do Sol Nascente (0.934), o Lago Norte (122.1) e o Varjão (122.1). Nesse caso, as linhas já existem e terão o itinerário modificado para atender às localidades.

A nova linha para o Setor de Clubes Sul será a 103.3, com o itinerário Rodoviária do Plano Piloto – Av. das Nações (Pontão do Lago Sul, Pier 21, Orla Sul). Ela partirá à zero hora, a 1 hora e às 2 horas.

O serviço noturno opera das 23 horas às 5 horas, horário em que a população já passa a ser atendida pelo serviço básico do sistema. As linhas do Corujão operam na Plataforma C da Rodoviária do Plano Piloto.

Corujão

Por lei o corujão tem a circulação garantida há cerca de 23 anos. Ele foi criado em 1995 pela lei Lei nº 877, de 1995, de autoria do próprio Rodrigo Rollemberg, que na época atuava como deputado distrital.

A lei prevê a obrigatoriedade de manter o transporte coletivo no período noturno em linhas de maior demanda com frequência de no máximo 90 minutos.

A legislação não é especifica sobre o tipo de transporte. Mas na prática deveria valer também para o Metrô, que atualmente só circula até as 23:30h.

Bilhete Único

Recentemente o GDF ampliou e reestruturou o Bilhete Único, ampliando de 2 para 3 horas o período de integração. O cartão que da possibilidade de pegar até mais de um ônibus com uma só passagem. Com a ampliação do transporte no local, as pessoas poderão usufruir melhor do serviço. Pagando apenas R$ 5,00 para fazer o trajeto completo.

 

Veja as linhas que fazem parte:

 

Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília.

 

 

Revista Evoke

Acompanhe nosso instagram e veja no stories as novidades.